Planet Hemp lança álbum “Jardineiros”- o primeiro em 22 anos - e volta de forma decisiva ao cenário nacional

Planet Hemp lança álbum “Jardineiros”- o primeiro em 22 anos - e volta de forma decisiva ao cenário nacional

Updated: 1 month, 16 days, 23 hours, 46 minutes, 15 seconds ago

“Quando o instrumento do medo não funciona, a gente adquire um poder inimaginável”. É com esta frase, cunhada por Marcelo Yuka durante entrevista em 2016, que o Planet Hemp abre o álbum “Jardineiros”. Já disponível nas plataformas de áudio pela Som Livre nesta sexta-feira (21), o grupo mostra que o discurso combativo que sempre caracterizou a banda está de volta. Apesar da energia de indignação ser o combustível para uma gama de mensagens questionadoras ao longo das 15 tracks, o primeiro projeto de inéditas da banda após um hiato de 22 anos tem como missão semear idéias, visões e utopias - ouça aqui.

"É importante lembrar que não existe apenas um caminho no mundo, nem dois apenas, mas vários. Queremos trazer essa pluralidade de volta e podemos dizer que ela se expressa de todas as formas, inclusive na quantidade de estilos presentes no álbum", diz BNegão.

Planet Hemp (Foto: Fernando Schlaepfer)

A faixa “Jardineiro” - que inspirou o nome do álbum - traz versos diretos: “Jardineiro não é traficante / Ouça o que eu tô lhe dizendo, cumpadi, não compre, plante”. “O disco nasceu de uma ideia de coletivo, de fazer deste novo projeto mais que uma banda, e sim um movimento que une vários produtores diferentes, artistas, públicos de diferentes gerações, ideias e referências", completa Marcelo D2.

Com formação atual composta por Marcelo D2, BNegão, Formigão, Pedro Garcia e Nobru, neste aguardado novo trabalho, o Planet Hemp usa como referências a sua própria caminhada e o momento atual do país para escrever este novo capítulo da sua história: valoriza o passado, mantém os pés firmes no presente, mas sem perder de vista o futuro. Unindo o melhor dos dois universos, “Jardineiros” traz reflexões acerca de temas como a crítica à política sobre drogas (como em “Remedinho” e “Jardineiro”) e questões sociais (presente em “Eles Sentem Também” e “Veias Abertas”, entre outras), ao mesmo tempo em que expande o leque de sonoridades, se unindo a nomes como MC Carol de Niterói (que aparece em “Onda Forte”) e o jovem trapper argentino Trueno (feat em “Meu Barrio”).

“Este disco carrega a diversidade do Planet Hemp, não tem uma música muito parecida com a outra”, comenta BNegão sobre a safra de 15 faixas selecionadas para o projeto. "Os temas importantes pro grupo estão presentes nas letras, apresentados de forma nova, com outros pontos de vista".

Uma das faixas de destaque do álbum é “Taca Fogo”, um punk trap que não se furta a fazer críticas ao cenário político atual brasileiro e que começa com a chamada “Está no ar a Rádio Libertadora”, em referência ao pronunciamento do revolucionário Carlos Marighella durante a tomada da Rádio Nacional. Com trechos como “Olho pra minha coroa e o sorriso dela me fez acreditar / Aquele telefonema, quando eu tava preso, pra não parar de lutar", a faixa contará ainda com um videoclipe dirigido por Marcelo D2, a ser lançado na próxima terça-feira (25 de outubro), às 16h20min.

Embalada na batida do miami bass, “Ainda” - outra faixa certeira do disco -, resgata não só a fama do grupo por seu histórico com a cannabis, mas também a estética da música carioca na década de 90, época de seu surgimento na cena underground.

Planet Hemp (Foto: Fernando Schlaepfer)

Dentro desta coletividade sonora, além das já citadas participações de Trueno e MC Carol, e de Criolo - feat do primeiro single desta nova leva lançado pelo grupo, “Distopia” -, estão ainda Black Alien (integrante honorário da Ex Quadrilha da Fumaça, que participa na faixa “O Ritmo e a Raiva”), Tropkillaz (“Ainda”) e Tantão e Os Fita (“Veias Abertas”). O disco foi produzido pela própria banda, ao lado de outros grandes nomes da indústria como Mario Caldato, responsável pela finalização do álbum em Los Angeles (EUA), Nave e Zegon.

As faixas do álbum “Jardineiros” também chegam com music visualizers no canal oficial do grupo no YouTube - assista aqui.

Álbum “Jardineiros” - Planet Hemp

Lançamento Som Livre - 21 de outubro/2022 

Tracklist:

1 -- Marcelo Yuka

2 -- Distopia (Feat. Criolo)

3 -- Taca Fogo

4 -- Puxa Fumo

5 -- O Ritmo e a Raiva (Feat. Black Alien)

6 -- Jardineiro

7 -- Amnésia

8 -- Meu Barrio (Feat. Trueno)

9 -- Fim do Fim

10 -- Eles Sentem Também

11 -- Ainda (Feat. Tropkillaz)

12 -- Remedinho

13 -- Veias Abertas

14 -- Planeta Maconha

15 -- Onda Forte

FICHA TÉCNICA

Álbum “Jardineiros”

Artista: Planet Hemp

Produtores: Nave, Mario Caldato Jr e Planet Hemp

Faixas:

“MARCELO YUKA” Intérpretes: MARCELO YUKA Autores: MARCELO YUKA

“DISTOPIA” Intérpretes: PLANET HEMP, CRIOLO Autores: NAVE, MARCELO D2, BNEGÃO Músicos: MARCELO D2 (voz), BNEGÃO (voz), NOBRU (guitarra), FORMIGÃO (baixo), PEDRO GARCIA (bateria), OS FITA (programação), NAVE (programação), TROPKILLAZ (programação), ALLEFEZ (percussão) Produtores: PLANET HEMP, NAVE, OS FITA, TROPKILLAZ, MARIO CALDATO

“TACA FOGO” Intérpretes: PLANET HEMP Autores: MARCELO D2, NOBRU, NAVE Músicos: MARCELO D2 (voz), BNEGÃO (voz), LUIZA MACHADO (voz), NOBRU (guitarra), FORMIGÃO (baixo), PEDRO GARCIA (bateria), OS FITA (programação), NAVE (programação), ZEGON (scratch) Produtores: PLANET HEMP, OS FITA, NAVE, MARIO CALDATO

“PUXA FUMO” Intérpretes: PLANET HEMP Autores: MARCELO D2, BNEGÃO, NOBRU, FORMIGÃO, PEDRO GARCIA, PEDRO AUGUSTO Músicos: MARCELO D2 (voz), BNEGÃO (voz), NOBRU (guitarra), FORMIGÃO (baixo), PEDRO GARCIA (bateria), PEDRO AUGUSTO (teclado), ALLEFEZ (percussão), PETÃO (percussão), APOLLO 9 (teclado), JACKSOM (violão), HEBER NOVAIS (coro), GINA GARCIA (coro), DANIELE CARMO (coro), KARINE GILBERTH (coro), NANDO VIANNA (coro), BETTINA GRAZIANI (coro), JUSSARA LOURENÇO (coro), JUREMA DE CANDIA (coro) Produtores: PLANET HEMP, MARIO CALDATO

“O RITMO E A RAIVA” Intérpretes: PLANET HEMP, BLACK ALIEN Autores: MARCELO D2, BLACK ALIEN, PEDRO GARCIA, NOBRU Músicos: MARCELO D2 (voz), BLACK ALIEN (voz), BNEGÃO (voz), LUIZA MACHADO (voz), NOBRU (guitarra), FORMIGÃO (baixo), PEDRO GARCIA (programação e percussão) Produtores: PEDRO GARCIA, PLANET HEMP, MARIO CALDATO 

“JARDINEIRO” Intérpretes: PLANET HEMP Autores: BNEGÃO, MARCELO D2 Músicos: MARCELO D2 (voz), BNEGÃO (voz), NOBRU (guitarra), NAVE (programação), ALLEFEZ (percussão), PETÃO (percussão) Produtores: BNEGÃO, PLANET HEMP, NAVE, MARIO CALDATO

“AMNESIA” Intérpretes: PLANET HEMP Autores: MARCELO D2, BNEGÃO, NOBRU Músicos: MARCELO D2 (voz), BNEGÃO (voz), ALLEFEZ (percussão), NOBRU (programação), NAVE (programação) Produtores: PLANET HEMP, NAVE, MARIO CALDATO

“MEU BARRIO” Intérpretes: PLANET HEMP, TRUENO Autores: MARCELO D2, BNEGÃO, TRUENO, NOBRU, TATOOL, NAVE Músicos: MARCELO D2 (voz), BNEGÃO (voz), TRUENO (voz), LUIZA MACHADO (voz), NOBRU (guitarra), PEDRO GARCIA (bateria), NAVE (programação), TATOOL (programação), DIANA BOUTH (coro), JOMA CANTANHEDE (coro), ANDRE (coro), CLARINHA (coro), GREGG ROEHRIG (coro), ALEJANDRO JIMENEZ (coro) Produtores: PLANET HEMP, TATOOL, NAVE, MARIO CALDATO

“FIM DO FIM” Intérpretes: PLANET HEMP Autores: RODRIGO LIMA, NOBRU Músicos: MARCELO D2 (voz e coro), BNEGÃO (voz e coro), NOBRU (guitarra e coro), FORMIGÃO (baixo e coro), PEDRO GARCIA (bateria e coro) Produtores: NOBRU, PLANET HEMP, MARIO CALDATO

“ELES SENTEM TAMBÉM” Intérpretes: PLANET HEMP Autores: MARCELO D2, BNEGÃO, NOBRU, FORMIGÃO, PEDRO GARCIA, PEDRO AUGUSTO, NAVE Músicos: MARCELO D2 (voz), BNEGÃO (voz), NOBRU (guitarra), FORMIGÃO (baixo), PEDRO GARCIA (bateria), RODRIGO "PACATO" SILVA (percussão), PEDRO AUGUSTO (teclado), APOLLO 9 (teclado), THIAGO FRANÇA (sax), BETTINA GRAZIANI (coro), JUSSARA LOURENÇO (coro), JUREMA DE CANDIA (coro), NAVE (programação) Produtores: PLANET HEMP, NAVE, MARIO CALDATO

“AINDA” Intérpretes: PLANET HEMP, TROPKILLAZ Autores: MARCELO D2, TROPKILLAZ Músicos: MARCELO D2 (voz), TROPKILLAZ (programação) Produtores: TROPKILLAZ, PLANET HEMP, MARIO CALDATO

“REMEDINHO” Intérpretes: PLANET HEMP Autores: MARCELO D2, APOLLO 9 Músicos: MARCELO D2 (voz), APOLLO 9 (teclado) Produtores: MARCELO D2, APOLLO 9, PLANET HEMP, MARIO CALDATO 

“VEIAS ABERTAS” Intérpretes: PLANET HEMP Autores: MARCELO D2, BNEGÃO, NAVE, NOBRU Músicos: MARCELO D2 (voz), BNEGÃO (voz), NOBRU (guitarra), PEDRO GARCIA (bateria), FORMIGÃO (baixo), NAVE (programação) Produtores: PLANET HEMP, NAVE, MARIO CALDATO

“PLANETA MACONHA” Autores: ZEGON Produtores: ZEGON, MARIO CALDATO

“ONDA FORTE” Intérpretes: PLANET HEMP Autores: MARCELO D2, BNEGÃO, NAVE Músicos: MARCELO D2 (voz), BNEGÃO (voz), NOBRU (guitarra), NAVE (programação) Produtores: PLANET HEMP, NAVE, MARIO CALDATO

Sobre o Planet Hemp

Surgida na cena underground do Rio de Janeiro em 1993, o Planet Hemp é uma banda de ‘raprocknrollpsicodeliahardcoreragga’ e teve em sua formação original os integrantes Marcelo D2, Skunk, Rafael Crespo, BNegão, Formigão e Bacalhau. Em 1995 foi lançado seu primeiro disco, “Usuário”, eternizando hits como “Legalize Já”, que reforçam uma das principais bandeiras do grupo, à favor da legalização da maconha. Com 150 mil cópias vendidas, o sucesso abriu portas para o segundo álbum de estúdio, “Os Cães Ladram mas a Caravana Não Pára”. O novo projeto rendeu ao Planet Hemp momentos marcantes, como o Disco de Platina e a prisão da banda em 1997, que passou a enfrentar a resistência de setores mais conservadores da sociedade. O terceiro disco autoral - "A Invasão do Sagaz Homem Fumaça" - viria no ano 2000, com destaque para a track "Ex-Quadrilha da Fumaça". Consagrando todo o sucesso e reconhecimento do grupo na cena musical, posicionando o Planet Hemp como uma banda de origem underground que habita o mainstream, em 2001 foi lançado o disco “MTV ao Vivo: Planet Hemp”.

Planet Hemp (Foto: Fernando Schlaepfer)

Ao longo dos anos, o Planet Hemp contou ainda com outros integrantes como Black Alien, Apollo 9, Negalê, Daniel Ganjaman, Seu Jorge, Zé Gonzales, Speed e Jacksom. Em julho de 2022 - tendo em sua formação atual Marcelo D2, BNegão, Formigão, Pedro Garcia e Nobru - o grupo assinou com a gravadora Som Livre para o lançamento de seu quarto álbum de inéditas. O primeiro single lançado foi “Distopia”, no mês de setembro, em feat com o rapper Criolo MC. Em outubro, o Planet Hemp lançou o álbum “Jardineiros”, com participações de nomes como Black Alien, Trueno, Tropkillaz, MC Carol de Niterói (“Onda Forte”) e Tantão e Os Fita. O projeto teve produção assinada por Mario Caldato, Nave e Zegon, além da própria banda.

Siga o Planet Hemp nas redes sociais:

Instagram

Facebook

Twitter

YouTube

Sobre a Som Livre

A Som Livre é uma empresa de música que faz parte da Sony Music Entertainment. Com sua capacidade única de entender e antecipar tendências, lançou e desenvolveu inúmeros dos maiores artistas e músicas de sucesso do Brasil nas últimas décadas. Também atua em diversos eventos, como Festeja e Samba Demais. 

Acompanhe a Som Livre nas redes:

Site Som Livre

Instagram Som Livre

Facebook Som Livre

Twitter Som Livre

YouTube Som Livre

LinkedIn Som Livre 

Foto Destaque: Planet Hemp ( Foto: Fernando Schlaepfer)