Família de atletas, idolatria a CR7... veja a história de Mbappé, craque da França na Copa

Família de atletas, idolatria a CR7... veja a história de Mbappé, craque da França na Copa

Updated: 1 month, 16 days, 8 hours, 1 minute, 35 seconds ago

Nascido no subúrbio de Paris, na França, em 20 de dezembro de 1998, poucos meses após o título mundial da França, Kylian Mbappé conquistou, pouco menos de 20 anos depois, a Copa do Mundo da Rússia, com direito a gol na final contra a Croácia e a eleição de melhor jogador jovem do torneio.

No Mundial do Catar, mais experiente e ainda mais valorizado, apesar das polêmicas que envolvem a relação com Neymar e uma possível saída do PSG, o astro chega como um dos grandes nomes da França. O ge te apresenta a história do prodígio atacante francês.

1 de 5 Mbappé em ação pelo PSG — Foto: Getty Images

Mbappé em ação pelo PSG — Foto: Getty Images

Família de atletas

O esporte corre nas veias de Kylian Mbappé. Seu pai, Wilfried Mbappé, foi jogador de futebol de nível regional e treinador de um clube em Paris, o AS Bondy, onde trabalhou Kylian nas categorias de base. Nascido em Camarões, Wilfried é técnico de futebol e responsável pelo agenciamento da carreira do filho.

- Eu queria que o meu filho jogasse por Camarões, mas alguém da Federação de Futebol de Camarões exigiu uma certa quantia de dinheiro para fazê-lo jogar. Eu não tinha o dinheiro. Os franceses não exigiram nada - revelou Wilfried em entrevista.

Sua mãe, Fayza Lamari, é nascida na Argélia e já jogou profissionalmente handebol, atuando em alto nível. Os pais são muito presentes na carreira do filho e foram peças fundamentais nas negociações de renovação com o PSG, no início da temporada. Kylian tem ainda dois irmãos que também seguiram o caminho do futebol.

2 de 5 Wilfried Mbappé e Fayza Lamari, pais de Kylian Mbappé, na renovação de contrato do filho com o PSG — Foto: Getty Images

Wilfried Mbappé e Fayza Lamari, pais de Kylian Mbappé, na renovação de contrato do filho com o PSG — Foto: Getty Images

Irmãos no futebol

Jirès Kembo-Ekoko

O irmão mais velho de Mbappé se chama Jirès Kembo-Ekoko, natural do Zaire (hoje República Democrática do Congo). Antes de ser adotado por Wilfried, Ekoko foi para Paris morar com um tio ainda criança, em busca de um futuro melhor.

Ele começou a jogar futebol na base do AS Bondy, sendo treinado por Wilfried Mbappé. Ekoko adquiriu grande proximidade com o treinador, que resolveu apostar no jovem e adotá-lo oficialmente, passando a ter a guarda legal do menino.

Dez anos mais velho, o filho adotado se tornou uma referência para Kylian Mbappé. Ekoko se desenvolveu no futebol e se profissionalizou, chegando a atuar por seis anos no Rennes. Após cinco temporadas nos Emirados Árabes, Ekoko se transferiu para o Bursaspor, da Turquia, onde pendurou as chuteiras.

Antes disso, ao ver o início de caminhada do irmão mais velho, Kylian decidiu seguir o mesmo caminho. Até que de ídolo, Jirès Kembo-Ekoko se tornou fã de Mbappé.

3 de 5 Jirès Kembo-Ekoko, irmão mais velho de Mbappé, chegou a atuar pelas seleções de base da França — Foto: Getty Images

Jirès Kembo-Ekoko, irmão mais velho de Mbappé, chegou a atuar pelas seleções de base da França — Foto: Getty Images

Ethan Mbappé

Ethan Mbappé, irmão mais novo de Kylian, assinou seu primeiro contrato com o PSG em junho de 2021, aos 15 anos. O vínculo é válido até 2024.

O caçula começou sua caminhada no futebol em 2019, quando foi pré-selecionado para atuar na INF Clairefontaine, academia de futebol da França conhecida por formar grandes talentos, entre eles Kylian Mbappé, Henry, Matuidi e Anelka.

Ethan Mbappé costuma atuar pelo lado esquerdo do ataque, mas também pode jogar mais centralizado, de forma semelhante ao irmão no PSG. Antes interessados em contar com Kylian Mbappé, o Real Madrid tentou contratar Ethan para influenciar na decisão do irmão mais velho, mas não obteve sucesso.

O irmão mais novo é o responsável pela comemoração característica de Kylian, com os braços cruzados. Após a Copa de 2018, Mbappé revelou, nos gols marcados, homenagear o caçula, a quem chama de "ethaninho", apelido carinhoso que faz alusão ao sufixo "inho", comum em nomes de craques do futebol brasileiro.

- Não é criação minha (a comemoração). Foi invenção do meu irmão caçula Ethan. É uma homenagem ao nosso encontro no Playstation - explicou o atacante.

4 de 5 Mbappé ao lado do irmão caçula Ethan — Foto: Reprodução

Mbappé ao lado do irmão caçula Ethan — Foto: Reprodução

Início de Kylian Mbappé no futebol

Mbappé começou a jogar bola aos seis anos no AS Bondy, time que seu pai era treinador. Desde novo, usava a camisa 10 e se destacava entre os meninos da idade. Com isso, atraiu olhares de gigantes do futebol europeu, chegando a viajar a Londres para um teste no Chelsea, onde acabou reprovado.

Aos 13 anos se transferiu para o Monaco, clube que o permitia não ir para longe de seus familiares. No dia 2 de dezembro de 2015, fez sua estreia como profissional, com apenas 16 anos e 347 dias de vida, ultrapassando a marca de Thierry Henry como o mais jovem a atuar pelo clube.

No Monaco, foi peça importante no título da Ligue 1 em 2016/17, ao lado de nomes como Fabinho, João Moutinho, Bernardo Silva e Falcao Garcia. A equipe chegou, também, até as semifinais da Champions League.

Em 2017, se tornou o segundo mais jovem da história ao estrear com a camisa da seleção da França, aos 18 anos. No mesmo ano, se transferiu ao Paris Saint-Germain, onde disputa atualmente sua sexta temporada e soma 231 jogos, com 183 gols e 77 assistências.

Idolatria a Cristiano Ronaldo na infância

Da infância à adolescência, Mbappé foi um grande fã de Cristiano Ronaldo. O menino tinha uma série de pôsteres do craque português na parede de seu quarto e tentava imitar os movimentos do ídolo dentro de campo.

- Eu era uma criança que sonhava com muitas coisas. Especialmente com uma carreira como a de Cristiano Ronaldo. Quando Ronaldo joga, alegra todos os que o veem e comigo foi assim durante 15 anos. Acho que todos os torcedores de futebol adoram Cristiano Ronaldo. Existem poucos jogadores como ele, aprendi muito só vendo ele jogar - disse o astro do PSG.

5 de 5 Grande fã, Mbappé tinha na infância a parede do quarto enfeitada com pôsteres de Cristiano Ronaldo — Foto: Reprodução

Grande fã, Mbappé tinha na infância a parede do quarto enfeitada com pôsteres de Cristiano Ronaldo — Foto: Reprodução

Vida pessoal de Mbappé

Mbappé não se destaca apenas dentro de campo. Fora dele, o jogador é muito engajado com causas beneficentes e frequentemente faz doações a instituições.

Em 2018, após a conquista da Copa do Mundo da Rússia, o atacante doou €440 mil à Premiers de Cordée, uma organização francesa que oferece atividades esportivas para crianças hospitalizadas e ações de conscientização sobre deficiência.

Kylian leva uma vida pessoal discreta, mas recentemente cresceram rumores sobre um relacionamento com a modelo e atriz francesa Ines Rau.

Apesar de não terem oficializado, os dois foram vistos juntos em cenas de afeto, além da confirmação de fontes próximas ao casal à imprensa francesa.